A concorrência no varejo farmacêutico

a) Mais concorrência ajuda ou atrapalha o varejo farmacêutico?
A concorrência é inevitável diante da pujança do mercado. No entanto, para muitos ela diminui sim a lucratividade, aperta as marges, pressiona a empresa a investir. Principalmente aquelas que não se atualizaram diante das mudanças. Para outros existe a vinda de novos clientes, principalmente aqueles que a concorrência não conseguiu satisfazer, seja no preço, atendimento, MIX de produtos e qualquer outra ineficiência que faça o cliente buscar outra opção.
b) Quais os fatos que indicam que a concorrência entre redes e independentes está mais acirrada?
O crescimento do mercado está fazendo com que as Redes ampliem seus negócios para cidades menores; Os dados do IMS mostrando o crescimento dessas Redes; A diminuição das margens das farmácias independentes A grande busca das farmácias independentes por se associar a Redes, Franquias e aproveitar as oportunidades da união A pressão por pontos de locação nos centros.
c) Cite 5 motivos que levam o cliente a comprar na concorrência Mau atendimento Falta de produtos Layout desatualizado Falta de estacionamento Ofertas de preços ausentes Loja com preços não competitivos.
d) Cite 5 motivos que fidelizam seu público Atendimento ao cliente de formato personalizado Lojas que atendem a clientela do bairro Conhecimento de seu cliente Preços competitivos Crediário facilitado, bem como convênio com as empresas.
e) Quais os caminhos para que ninguém perca espaço?
Olha para a classe C D. Ela hoje tem mostrado o rumo para o varejo se destacar Conectados (farmácia com promoções na Internet, Facebook e outras Redes sociais) Forte influência da Mídia (preciso ter os produtos da mídia na farmácia Antenados com o lançamento condições de pagamento facilitadas Investimento na Perfumaria e segmento HPC Precificação correta dos produtos Promoções (mostrar vantagem real na compra).
f) O que os independentes podem fazer? Acima.
g) Apostar na diversificação de linhas de produtos é uma estratégia de diferenciação? Como e o que fazer?
Claro que sim, pois o MIX correto oferece mais vantagens para o cliente, não deixando o mesmo sem opção de encontrar seu produto. Não esquecendo os produtos de mídia, destaques, os Kits e também os produtos de precificação.
h) De que forma o atendimento pode ser tornar um aliado frente a concorrência?
O atendimento bem formado por uma série de fatores que contribuem para uma atitude positiva e de satisfação par ao cliente. Pensar em atendimento só pelo ato de atender é um erro, da mesma forma um bom atendimento só por pessoas também não é e satisfatório. Atendimento envolve a loja, a climatização, a oferta de produtos, o estacionamento, a iluminação, o layout, bem como as pessoas que prestam o atendimento. Pensando nas pessoas, percebemos que quanto mais o funcionário estiver satisfeito com a empresa, mas ele é fiel e fideliza o cliente.
i) Quais os maiores desafios para o canal farma para o próximo ano?
Profissionalizar o departamento de gestão da farmácia Equilibrar as contas, o Ponto de equilíbrio Montar estratégias corretas de precificação equilibrando as contas Motivar a equipe a prestar um bom atendimento (treinando, capacitando) Encontrar bons profissionais dispostos a trabalhar em condições da farmácia (Final de semana) Se adequar com as constantes evoluções exigidas pelos clientes e que a concorrência das redes tem atendido.
j) De que forma as fusões entre empresas movimenta a concorrência?
As fusões dão mais força para o crescimento das Redes, mas por esses meses de Drogasil e Drogaraia e outras fusões, o impacto no varejo a meu ver foi o mesmo.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *