COMO TREINAR MEUS BALCONISTAS?

O balconista é uma das funções mais importantes que temos dentro da nossa farmácia. Ele é o responsável por nos ajudar na promoção do atendimento de excelência, no cuidado para com os clientes e organização da loja, e também nas rotinas mais burocráticas.
Porém, uma grande realidade no nosso dia a dia, e a questão do “turn over ( rotatividade) dos funcionários, que acaba gerando promoções cada vez mais precoces, contratações de emergência e consequentemente, profissionais despreparados para assumir a função.
Pensando em te ajudar, a Desenvolva consultoria separou para vocês neste post, ???? dicas de COMO TREINAR SEU BALCONISTA:
1) ???? Faça uma lista com as principais competências que você deseja que seu balconista tenha;
2) Alinhe com seu farmacêutico ( ou você mesmo gestor) , a criação de um material de treinamento técnico que deverá conter assuntos do dia-a-dia, como: posologias, classes terapêuticas, formas farmacêuticas, como entender as dosagens, principais legislações, portaria 344, técnicas de vendas, como agregar produtos;
3) Reserve uma hora do turno deste funcionário diariamente e peça-o para ler o material técnico e ao final, aplique uma prova de conhecimentos sobre o assunto;
4) Coloque-o sob o acompanhamento de um balconista mais experiente e de preferencia, que se destaque em vendas;
5) Dê feedbacks diários sobre sua evolução e questione-o sobre suas dificuldades e duvidas;
6) Estipule uma meta de vendas/ produtos atingível logo inicialmente, e demonstre a importância dela para ele e para a empresa;
7) Retire um tempo da sua rotina diária para observar o atendimento que está sendo prestado por este novo balconista;
8) Caso perceba falhas no processo de atendimento, chame-o para uma conversa no mesmo dia e ensine-o a forma como você espera que ele atue;
9) Elogie a cada meta alcançada e incentive-o a vender mais a cada dia;
10) Ensine-o a ser criativo, a ter técnicas de vendas e a associar produtos em cada venda (o que associar??) – regra maior: ” Nunca perca um cliente, seja qual for o motivo”.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *